Técnicas de costura

Como colocar forro num vestido

24 Novembro, 2017

Olá Costureiros e Costureiras desse lado.

Quando já sabemos costurar algumas peças de roupa, queremos evoluir nos acabamentos e cuidados com a peça, e o forro parece sempre um inimigo que só nos quer infernizar a vida. Acreditem que no início do meu percurso de costura tive muito medo em colocar forro, isto porque parece muito fácil mas quando vamos à ação, a coisa já deixa de ser tão simples. Mas cá estou eu para vos ajudar nessas dúvidas e falar um pouco de como colocar um forro num vestido.

O vestido de que vos falo tem mangas compridas, mas as mangas não serão forradas. O corpo do vestido é completo o que poderá facilitar a compreensão e quem sabe se não ganham vontade de fazer um vestido forrado também 🙂

Para este projeto estou a usar o molde nº 112 da revista Burda de dezembro de 2016. Apesar da revista não indicar que deveria colocar forro neste vestido, decidi fazê-lo pois o tecido externo é um pouco transparente. O tecido utilizado é uma sarja de algodão fina e com uma estampa linda, linda e tecido para forro. Todos os tecidos foram comprados na Feira dos Tecidos.

Antes de tudo, é importante coser todas as partes do exterior e do forro. Neste caso, já uni a parte da frente com as costas pelos ombros e pelas laterais, tanto no forro como no tecido externo. No tecido externo, também cosi as mangas e o fecho invisível. Antes de colocar o fecho, passei a corte e cose nas costas do vestido e também nas costuras das laterais, depois de as unir com ponto reto, tanto no forro como no tecido externo.

vestido

Neste caso, como a peça tem um decote em V, coloquei um quadradinho de entretela no fundo do decote. Já vamos perceber o porquê deste passo tão importante.

entretela

Depois de colada a entretela, vamos unir o nosso forro com o tecido exterior. Para isso, juntamos direito com direito das peças e começamos a alfinetar na parte do decote das contas, unindo sempre costuras com costuras, como é o caso dos ombros. Alfinetamos de uma ponta do decote das costas até à outra ponta. O fecho invisível deve ficar com os dentes virados para o interior da peça.

coser decote

Agora que já está tudo certo, costuras com costuras, decote em V também certinho, forro com tecido exterior, vamos para a máquina passar uma costura de 1 cm em todo o decote alfinetado. Depois de cosido, é importante dar um corte na parte do fundo do decote, para que quando a peça for revirada, o decote em V fique perfeito. A entretela ajuda a dar mais estrutura ao tecido, uma vez que é um tecido muito fino. O corte deve ser feito na ponta do decote, quase até à costura, mas sem cortar a costura.

pique

É hora de revirar o forro e irmos ao nosso ferro de engomar ajeitar esta costura que foi feita. Depois de tudo passado, vamos juntar a margem de costura para o lado do forro e alfinetar tudo para fazermos uma costura de segurança. Esta costura irá fazer com que o forro não consiga sair para o direito da peça. Depois de tudo preso, passamos uma costura bem rente ao forro, garantindo que a margem fica sempre virada para o lado do forro.

costura de segurança

costura de segurança

Estão a gostar? Vamos lá que ainda há algumas coisas para fazer. Vamos unir a parte das costas que está aberta no forro com a parte que tem o fecho no tecido exterior. Para isso, viramos o forro novamente sob o direito do tecido exterior e alfinetamos de um lado do fecho e depois do outro. Podem prender o forro até passar aproximadamente 5 cm do fecho acabar.

forro e fecho

fim do fecho

Depois de tudo unido, vamos costurar. Para ajudar nesta costura, usei o calcador de fechos normais. Se virem que é complicado coser ao passar pelo puxador do fecho, façam retrocesso na costura, tirem a peça da máquina para poder fechar o fecho e continuar a costurar até à marcação.

coser o forro

Forro cosido ao fecho, falta só fechar a parte de baixo que ainda está aberta. Neste caso, o procedimento é igual ao fechar a parte de baixo depois de se coser o fecho invisível. Esta costura deve iniciar onde terminou a união do forro com o tecido exterior.

coser o final do forro

Está quase, não desistam. Mas antes de desvirar a peça, é importante cortar a ponta do fecho que sobrou no decote, para que depois de virada, não fique muito tecido acumulado naquela ponta. Depois disso, já se pode desvirar a peça colocando o forro para dentro no nosso vestido.

cortar ponta do fecho

ponta do fecho

Só falta embutir as mangas e o nosso forro já está colocado!! Mas esta parte poderá ser um pouco complicada, por isso, respiremos fundo e vamos lá.

Ora, para embutir as mangas do forro no nosso vestido, vamos começar por colocar a nossa peça em cima da mesa de trabalho, com o forro todo para dentro do vestido. Assim, ajuda a conseguirmos visualizar como deve ficar.

vestido

Com a peça sob a mesa, vamos até às cavas e na costura da união das laterais, vamos dobrar para o interior 1 cm em cada parte e alfinetamos.

cavas

alfinetar cavas

Com as dobras feitas, inserimos a mão entre o forro e o tecido exterior e vamos ao encontro das dobras das cavas. Juntamos as duas dobras e retiramos os alfinetes para podermos alfinetar por dentro. Ao fazerem este processo, não vão conseguir dar a volta toda da cava. Assim, alfinetem e cosam até onde a cava vos permitir. Quando não conseguirem coser mais, retirem da máquina e ajeitem o forro no vestido para ver onde falta coser. Insiram a mão novamente por dentro do vestido (entre o forro e tecido exterior) em direção ao sítio onde falta coser. Segurem a margem de costura dessa parte, alfinetem e cosam o restante. Esta última parte é mais fácil do que a primeira, acreditem.

forro

coser cavas

cavas alfinetadas

Depois deste processo mais chatinho ser repetido nas duas cavas, só falta a bainha do forro. Abri as costuras da parte de baixo do forro e fiz uma bainha tipo lenço, como ensinei neste post. Depois disso, o nosso forro está pronto.

Vejam como ficou bonito:

frente do forro

cavas forro

fecho forro

fundo do fecho

Se quiserem forrar um vestido de verão sem mangas, também o podem fazer com esta técnica.

Espero ter ajudado de alguma forma e que a explicação tenha sido clara. Digam-me se ficarem com alguma dúvida e se puder ajudar de alguma forma. Tento sempre responder, seja no facebook ou nos comentários do blog. Se quiserem, também podem enviar email através da página de contactos aqui do blog.

Até à próxima e boas costuras

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.